28.1.12

Estamos ficando loucos e burros?

Num dia desses o Jornalista Carlos Nascimento comentou no inicio da apresentação do Jornal na Tv o seguinte: “Estamos ficando cada vez mais burros? A mídia ficou mais de uma semana passando e comentando sobre um suposto estupro, e uma simples frase, correta por sinal cria uma celebridade na internet. O que é isso?”
Ele estava comentando sobre o caso ocorrido no BBB12 (que não assisto por achar que agride culturalmente o ser humano ) e a frase “Estamos todos aqui, menos Luiza, que está no Canadá”. Em certa parte o jornalista está certo, o que estaria por trás desses acontecimentos para tanta visibilidade? Certamente a dificuldade do povo de filtrar e compreender as informações que recebem. Sabemos que 30% da população  brasileira sofre daquilo que denominamos  analfabetismo funcional, ou seja,  não consegue compreender aquilo que lê, ou aquilo que houve ou assiste. Como explicar a aceitação de um refrão (porque não considero música) de cunho apelativo sexual “Ai se te pego”.  Parece um “bando” de inocentes que cantam, dançam e não compreendem o que estão falando.
A televisão e a internet estão lotadas de coisas inúteis, é claro que não podemos generalizar, tem programação boas na Tv e idem na internet. Nem os programas de humor estão se salvando. Fui assistir um deles e o que vi foi ridículos comentários sem graça sobre imagens da TV e da Internet, acabou a criatividade. E muitos são considerados, não sei por quais mentes, como programa cultural.
O poder aquisitivo da população brasileira está crescendo, isso é bom. Estamos nos transformando numa sociedade consumista. Mas sabemos como consumir com dignidade para que não transformarmos numa população sem cultura?
Valter Figueira – Professor e escritor

27.1.12

FRASES

"Viver das aparências é querer fazer uma viagem com um carro sem gasolina." (A. Huxley)

"A entrada para a mente do homem é o que ele aprende, a saída é o que ele realiza. Se sua mente não for alimentada por um fornecimento contínuo de novas idéias, que ele põe a trabalhar com um propósito, e se não houver uma saída por uma ação, sua mente torna-se estagnada. Tal mente é um perigo para o indivíduo que a possui e inútil para a comunidade.” (Jeremias W. Jenks)

 Podemos enganar alguns por todo tempo, todos por algum tempo, mas não podemos enganar todos por todo tempo. (Abraham Lincoln)

"Grande parte das boas obras do mundo foram praticadas por pessoas medíocres que fizeram o melhor que podiam." (George F. Hoar)

"No caráter, na conduta, no estilo, em todas as coisas, a simplicidade é a suprema virtude." (Henry Wadsworth Longfellow)

"A verdadeira riqueza não consiste em ter grandes posses, mas em ter poucas necessidades." (Epicuro)

19.1.12

Sobre a leitura

"A escrita, ou a arte, para ser mais abrangente, cumpre funções que mais nenhuma área consegue cumprir. (...) Sinto que há poucas experiências tão interessantes como quando se lê um livro e se percebe "já senti isto, mas nunca o tinha visto escrito", procurar isso, ou procurar escrever textos que façam sentir isso, é uma das minhas buscas permanentes. Trata-se de ordenar, de esquematizar, não só sentimentos como ideias que temos de uma forma vaga mas que entendemos melhor quando os vemos em palavras. Trata-se também de construir empatia: através da leitura temos oportunidade de estar na pele de outras pessoas e de sentir coisas que não fazem parte da nossa vida, mas que no momento em que lemos conseguimos perceber como é. E isso faz-nos ser mais humanos. Na leitura e na escrita encontramo-nos todos naquilo que temos de mais humano. "


José Luís Peixoto, in 'Diário de Notícias (2003)

1.1.12

FELIZ  2012 !!!!!